Carnes bovina, suína e de bode foram apreendidas durante operação deflagrada pelo Ministério Público estadual, Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), Vigilância Sanitária, Polícia Militar (24ª Companhia de Polícia) e Polícia Rodoviária Estadual no município de Jacobina. A operação, realizada ontem (19), teve o objetivo de fiscalizar o comércio de carne oriunda de abate clandestino na cidade, explica a promotora de Justiça Rocío Matos, que coordenou os trabalhos. O promotor de Justiça Pablo Almeida também participou da ação.

oxes e bancas que comercializam produtos de origem animal no Centro de Abastecimento da cidade foram fiscalizados. Também foram apreendidos frangos, vísceras, manteiga (132 kg), queijo e requeijão (225 kg) de origem clandestina e/ou em desacordo com as normas sanitárias. Um boxe do comércio de carne foi interditado, diante do fato da carne comercializada no local ser integralmente de origem clandestina, informou a promotora de Justiça. Foi interditado, também, local inadequado usado pelos comerciantes para salgar as carnes que seriam comercializadas de forma imprópria ao consumo. Com informações do MP/BA.